Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MORE

Num só blog, está tudo aqui! O MORE tem desabafos/opiniões em relação a mim e ao que se passa à minha volta. Tem sugestões de cinema, televisão e não só. E tem mais, muito mais...

20
Jul17

“Adeus, vai-te embora, ninguém te adora!”

Season_8_cast_promo_pic.png

 

Para os mais distraídos, para aqueles que talvez ainda não deram conta da novidade, a NETFLIX já estreou há umas semanas atrás, uma nova temporada do reality “RUPAUL’S DRAG RACE”. Já está disponível a temporada 8, que eu já tive a oportunidade de ver e adorei, e por isso, para aqueles que já são fãs, mas que andam perdidos por outras séries, aqui fica a sugestão. Não percam este maravilhoso reality pois diversão é coisa que nunca vai faltar na companhia das muitas drags.

 

Mas hoje, o propósito deste post não é propriamente para sugerir. Acho que já por diversas vezes eu já aqui falei deste programa e já recomendei várias vezes o seu visionamento. Desta vez estou aqui para falar de algo que tem sido notícia um pouco por todo o mundo. Sim! A Netflix Portugal, muito por causa do “RuPaul’s Drag Race”, tem sido noticia pelo mundo, graças à tradução que têm andado a fazer às míticas expressões do RuPaul. Quem vê o programa, sabe que o RuPaul tem várias frases, várias palavras, expressões que são ditas frequentemente e que já se tornaram parte integrante do programa. Se bem me lembro, as temporadas anteriores que estão disponíveis no Netflix, algumas dessas expressões não chegaram a ser traduzidas pelo nosso português, até porque não há uma tradução correta para essas expressões. No entanto, com a chegada da oitava temporada, surgiu uma nova legenda para as expressões míticas do RuPaul e são essas mesmas legendas que têm dado que falar um pouco por todo o mundo.

 

Quem vê a série já está mais do que familiarizado com as expressões como: “Shantay you stay” e “Sashay away”. Não precisamos ser um expert em inglês para traduzir essas frases. É algo automático que já sabemos do que se trata. O “Shantay you stay” é para quando a drag passa à fase seguinte e o “Sashay away” é quando uma drag é eliminada do programa. Aquilo que está a acontecer com as legendas em Portugal, é que alguém resolveu traduzir essas mesmas frases, optando por uma tradução muito livre e um pouco absurda, tal como este exemplo aqui:

 

rupaul_vai-te-embora-720x720.jpg

 

Adeus, vai-te embora, ninguém te adora!” é a tradução livre do famoso “SASHAY AWAY” e claro, isso não passou despercebido por entre os fãs e por isso, muitos têm comentado essa tradução em vários sites e blogs um pouco por todo o mundo. Não seria mais simples deixar o “Sashay away” em vez de se porem por aí a inventarem? Enfim…

 

Por aqui, vou ficar à espera da chegada da nona temporada da série, que espero que não demore muito a chegar até nós.

30
Set16

RuPaul’s Drag Race (nova temporada na Netflix)

RuPauls Drag Race1.jpg

 

Esta tarde, quando abri a minha caixa de email, recebi uma ótima noticia! Ótima porque de há uns tempos para cá, eu viciei-me num programa que está disponível no Netflix. No entanto, apenas cinco temporadas desse programa estavam disponíveis e eu, agarrado como estava, em menos de um mês, consegui ver todas essas cinco temporadas assim, de rajada. Mas a boa noticia é que hoje, através dum email do Netflix, fiquei a sabir que já está disponível, uma nova temporada para eu viciar-me e… oba! Que alegria! Já não era sem tempo!

 

Reality shows não são propriamente os meus programas de eleição. Já há muito tempo que por cá, eu desisti dos Big Brothers, das Quintas, das Casas do Segredo e do que vem de lá de fora, já desisti também de reality tipo American Next Top Model ou Project Runway. Já não tenho paciência para esse tipo de programas há exceção é claro, do Masterchef. A esse, eu papo todos! Seja a versão portuguesa, americana, australiana e brasileira. Mas na verdade há agora uma outra exceção. Através da internet e através dos sites e blog que visito frequentemente, tomei conhecimento em tempos, dum reality show, que colocava várias drag queens a competirem, naquela que é a maior competição de drags da televisão norte-americana. Na altura, quando soube desse programa pela primeira vez, ainda vi algumas coisinhas pelo YouTube mas este ano, e tudo graças ao Netflix, tive acesso total a cinco maravilhosas temporadas do programa e claro, de imediato viciei-me e… do que é que eu estou mesmo a falar? Bem! Tanto a imagem que acompanha este texto, como o próprio título do artigo, já dizem tudo! Estou a falar do RuPaul’s Drag Race, que caso ainda não conheças, sugiro que vejas um episódio. Tenho a certeza que não irás arrepender-te e a certeza ainda de que tal como eu, vais amar este reality show.

 

RuPauls Drag Race2.jpg

 

Penso que nos dias de hoje, já toda a gente sabe quem é o RuPaul, correto?! Ele agora até foi noticia há uns dias atrás, por ter recebido um Emmy, na categoria de melhor apresentador. Pois é! Para além de ator, modelo, cantor e empresário, RuPaul é também o apresentador que comanda todas as edições do RuPaul’s Drag Race. Um programa que à partida não tem nada de original, pois se olharmos bem, vemos muitas parecenças com outros reality shows que eu já falei aqui. Mas na verdade, apesar das muitas parecenças, este programa é realmente original. É único! É ousado, atrevido e é super, super espetacular! Nele, vários homens entram na maior competição de drag queens e para além das batalhas de lip sync, as drags tem ainda que desfilar todas as semanas numa passerelle com o melhor dos modelitos, alguns deles criados por eles mesmo no momento e terão ainda, que estar sujeitos às várias provas, que podem ir desde o canto à representação e da dança à imitação. Há provas para todos os gostos e aquele que mais se sobressair, será então coroado como a melhor drag de todas. E para receber essa coroa, o grupo de homens terá que batalhar forte e feio e até mesmo, pisar os outros se for necessário. Acreditem! O programa está fantástico! Fantástico mesmo para um público gay e não só! Acho que todos deveriam vez, não só por haver motivos mais do que suficientes para rirmos do principio ao fim, como também porque através de lá, às vezes ouvimos história emocionantes. Histórias muito parecidas com algumas que já conhecemos muito bem. Histórias que às vezes apresentam-nos uma grande lição de vida. Eu sou fã! A minha irmã também! E até a minha mãe acha o programa super divertido, se bem que, quando todos estão na pele de drags, para a minha mãe não há como distinguir se eles são realmente homens ou mulheres.

 

RuPauls Drag Race3.jpg

 

Até ao dia de hoje, pelo menos que eu saiba, a Netflix tinha ao nosso dispor, cinco temporadas completas. Infelizmente não se encontra por lá a primeira temporada, mas da segunda à sexta temporada há muitos episódios para ver e muitos personagens que com certeza irão ficar na vossa memória. No entanto, está agora disponível a sétima temporada, que assim que possível, irei vê-la de imediato. Na América, programa esse que tem tido imenso sucesso e anda a ganhar uma popularidade imensa não só no país, como também por todo o mundo, o RuPaul’s Drag Race conta já com 10 temporadas. Oito da versão normal e duas temporadas com os All Stars. E ao longo de todos essas temporadas, eu pelo menos já me deliciei com a Shangela, a Alaska, a Sharon, a Tyra, a Raven, a Bianca, a Jinkx Monsoon entre tantas outras drags. Vale apena ver e eu prometo que em breve, quando terminar de ver a sétima temporada, passo por aqui para falar um pouco mais desse reality. Por agora termino este texto, tentado saber qual a vossa opinião em relação ao RuPaul?

Os meus blogs

Calendário

Fevereiro 2018

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728

Mais sobre mim

Projeto | Eu Sou Gay

Tens algo a dizer?

Comentários recentes

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Sigam-me no Twitter

Quer ler histórias MORE?

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.